sexta-feira, 15 de julho de 2011

Frente fria

  As condições de tempo que predominaram na quinta e sexta-feira no estado do Rio Grande do Sul foram de abafamento e muita umidade, devido atuação de uma frente quente que cruzou o estado entre quinta-feira e sexta-feira. Esta frente quente deslocou-se para sul chegando hoje sexta-feira até o Rio da Prata, provocando muitos temporais hoje pela manhã em Pelotas e no Uruguai. Logo que este sistema chegou ao Rio da Prata encontrou ar frio que esta sendo advectado para o sul, impulsionado por uma massa de ar polar no sul argentino, o que fez com que  mudasse as características deste sistema, passando para o estatus de frente fria. Esta frente fria que agora esta sobre o Uruguai, atingirá o Rio Grande do Sul neste Sábado. A chuva será acompanhada de temporais, com possibilidade de queda de granizo em pontos isolados do estado. Entre Sábado e a madrugada de Domingo começa a ingressar ar mais frio pelo sul. O Sábado será chuvoso durante grande parte do tempo, com queda da temperatura ao longo do dia, o Domingo teremos frio na madrugada e manhã com pouca nebulosidade do centro para o sul do estado, na região norte do Rio Grande do Sul continuará as pancadas de chuva. O tempo firme e seco dura muito pouco e o começo da próxima semana será de muita umidade mas desta vez com muito frio, principalmente do centro para o sul gaúcho.

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Frente quente

A instabilidade hoje dia 14/07/2011 foi consequência da formação de uma frente quente no centro do estado nesta madrugada. Esta frente desloca-se de noroeste para sudeste ocasionando chuva moderada com pancadas fortes em alguns momentos principalmente na região centro-leste do estado. Esta frente quente formou-se devido atuação de uma grande massa de ar continental seca e quente que toma conta de toda região central do Brasil e impede que massas de ar frias ingresam no estado. O jato subtropical está bem intenso sobre o Rio Grande do Sul, provocando convergência sobre o estado e o favoreceu a formação de um cavado em níves baixos da atmosfera (850mb - 1500), também no nível de 850mb (1500m) temos um fluxo de ar vindo de norte ingressando no estado, trazendo ar quente e úmido para região. Todos esses fatores deram origem a um cavado em superfície bem no centro do estado nesta madrugada, o que ativou a instabilidade e provocou a precipitação. Como temos ar mais frio na região centro-sul, caracteriza-se um gradiente de temperatura, e este cavado começou a ter um deslocamento para sul, formando esta frente-quente. Abaixo imagem da nefoanalisis SMN (Servicio Meteorologico Nacional da Argentina) mostrabdoa frente quente sobre a região central do estado na madrugada de hoje.


No começo da manhã as imagens do radar de Canguçu eram impressionantes. Formou-se um Bow Echo perto de São Gabriel, uma linha de alta refletividade no radar que toma a forma de arco. Neste caso, a formação ocorreu de maneira muito semelhante ao modelo conceitual de bow echo, formando um gancho na ponta. Em Caçapava do Sul, a estação do INMet mediu rajada de 30,9m/s!! Isto é equivalente a aproximadamente 111,6km/h. 
Modelo conceitual (The COMET Program):




Abaixo tabela com os dados da estação automática do INMET em Caçapava do sul.



sábado, 9 de julho de 2011

Cinzas do Vulcão Chileno

Veja a incrível animação sobre o comportamento da dispersão das cinzas do vulcão chileno Puyehue. Note a interação das nuvens  vulcânicas com a ciclogênese na costa gaúcha no dia 08 de Junho após as cinzas terem atingido o Estado. As cinzas são representadas pela coloração amarelada.
video

quarta-feira, 6 de julho de 2011

terça-feira, 5 de julho de 2011

Vídeo da neve registrada em Canguçu no dia 02 de julho

Como prometido segue abaixo o vídeo da neve registrada pelo amigo Viliam Cardoso no sábado pela manhã no interior do município de Canguçu.

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Morro do Santuário, Canguçu - Experimento Rupestre I




Segue abaixo mais algumas das fotos capturadas durante o experimento no morro do Santuário na cidade de Canguçu. O topo do morro fica a uma altitude de aproximadamente 464 metros.















domingo, 3 de julho de 2011

Experimento no Frio

     Na noite deste sábado partimos em direção a Canguçu em busca do frio e da possível neve. O nosso colega Viliam filmou precipitação de sleet no interior de Canguçu por volta do meio-dia de sábado, e o vídeo será postado futuramente.
     Chegamos lá por volta de 17:30 e subimos o morro da Santa, perto da torre do radar da Aeronáutica. Levamos uma estação automática para medir a temperatura no local. O vento permaneceu forte durante a noite toda, e a sensação térmica era muito baixa. Os dados são mostrados abaixo.

     A neve não ocorreu, pois o céu logo limpou. No meio da madrugada, algumas coisas de metal já começaram a apresentar sinais de geada, mas somente no começo do dia que foi possível ver a proporção do fenômeno, que deixou os locais de baixada completamente brancos.